FAQ - Gonorréia
(Powered by Yahoo! Answers)

É possível que o virus da gonorréia volte depois de anos incubado,após tratamento feito anteriormente?


Acreito que ja tive gonorréia a anos atras. E agora voltou sem que que tenha tido relação sexual. É possível que ele tenha ficado incubado esse tempo todo? Ou posso ter pego em privada, mesmo sem encostar meu pênis na mesma?
----------

ola!!ela pode ate voltar sim , mais nao porque vc pegou a algum anos atras, amsi sim porr mal higienizacao dos genitais , ou ate esmo sentar aonde uma pessoa sentou  (+ info)

Quanto tempo demora para os sintomas da gonorréia terminarem depois do tratamento?


Eu tenho gonorreia mas tomei o remedio ontem, mas ainda estou sentindo o meu penis queimando quando urino. Ajuda fv. Obrigado.
----------

vc deve voltar ao Uro não é correto sentir ardência, se no meio do tratamento há uma melhora radical

bjs*  (+ info)

O cisto de bartholin acontece devido a doença como gonorréia?


Um cisto é uma cápsula, cheia de líquido ou material semi-sólido, que se forma debaixo da pele ou em algum lugar dentro do corpo. A glândula de Bartholin é uma glândula pequena localizada de cada lado dos lábios menores da vagina (uma em cada lado), na parte de fora da abertura da vagina. Durante a estimulação sexual, a glândula de Bartholin libera um fluido lubrificante. O cisto de glândula de Bartholin se desenvolve quando a glândula fica obstruída (entupida). A glândula de Bartholin pode ser obstruída por uma variedade de causas, como infecções, inflamações ou irritação crônica.

Gonorréia é uma doença sexualmente transmissível (DST) causada pela Neisseria gonorrhoeae, uma bactéria que cresce e multiplica-se facilmente em áreas quentes e úmidas do trato reprodutivo como cérvix, útero e tubos de falópio na mulher; e uretra em homens e mulheres. A bactéria também pode crescer na boca, garganta, olhos e ânus.

Por se tratar de uma infecção, a gonorréia pode sim ser um dos sintomas do cisto de bartholin  (+ info)

Como faço para tratar uma gonorréia sem ninguém ficar sabendo?


Use uma pomada na arquibancada do maracanã durante um jogo do flamengo.  (+ info)

Como se curava gonorréia no tempo do Descobrimento?


No tempo do descobrimento do Brasil como eles curavam gonorréia. E outras DST, sífilis, etc?
----------

Fabio, no temo dodescobrimento do brasil erra curado com quinino e rais de ervas, pincipalmete so indigenas sabiam todo os remedios para as doenças da epoca.  (+ info)

As pessoas que vivem com orelha suja é porque sofrem de gonorréia?


Onde vc ouviu isso???
È falta de cotonete issu sim!!!kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk  (+ info)

Pílula do dia seguinte e remédios para gonorréia.Alguém pode me ajudar?


Tomar a pílula do dia seguinte corretamente, e um dia depois começar o tratamento contra gonorréia pode ser o motivo de uma gravidez? A pílula foi tomada corretamente, porém não teve eficácia. Pode ter sido devido aos antibióticos? Obrigada pela ajuda. Bjs.
----------

A PDS demora uns dias pra descer a menstruação
Se já passou estes dias faça um exame de laboratório (Beta HCG) pra saber de verdade...  (+ info)

Meu pênis ta saindo um escorrimento branco um pouco amarelado. Candidíase ou Gonorréia?


Tenho um parceiro fixo e ele foi no médico à 2 dias e o médico disse que ele não tem nada.
E eu comecei a ter esse corrimento branco e ardencia ao urniar
Eu to apavorado, porque eu juro por tudo que existe na terra que eu não transei e nem siquer beijei ninguem que não fosse ele à um ano. E se eu peguei Gonorréia? =S como vou explicar se eu nem tenho o que explicar?
buaaa
/toapavorado
----------

Amigo, se você pratica sexo anal sem camisinha, provavelmente está com uma uretrite não gonocócica, provocada por bactérias fecais. Procure o médico. Boa sorte.  (+ info)

Qual a probabilidade de contrair gonorréia sem contato sexual (outras formas de contágio)?


Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
A gonorréia ou blenorragia é uma doença sexualmente transmissível (DST), causada pela bactéria Neisseria gonorrheae, ou gonococo.

A N.gonorrhoeae é uma bactéria Gram-negativa, que à microscopia óptica tem forma de diplococos medindo cerca de 1 micrometro (são cocos assemelhados a um rim, e que se agrupam aos pares).

O fator mais importante de virulência do gonococo é a existência de pílios e da proteína Opa. Estas estruturas permitem à bactéria permanecer aderente à mucosa do tracto urinário, resistindo ao jato da micção.

O gonococo infecta principalmente as células cilíndricas da uretra, poupando geralmente a vagina e útero, cujos epitélios são de células escamosas.

Ocorre durante o ato sexual quando a(o) companheiro(a) estão contaminados; no parto normal, se a mãe estiver infectada, ou por contaminação indireta se, por exemplo, uma mulher usar artigos de higiene íntima de uma amiga contaminada (evento considerado raro). Há casos raríssimos de contágio em vasos sanitários, se houver um ferimento proeminente na vulva feminina e por contágio através de uso de artefactos contundentes ou agulhas infectadas.

Progressão e Sintomas
O intervalo de tempo entre a contaminação e o surgimento dos sintomas e o período de incubação é curto, de 2 a 4 dias, excepcionalmente podendo alcançar 10 dias, em casos extremamente raros pode chegar a 30 dias.

Normalmente o mais comum no homem é a ardência ao urinar ou disúria acompanhada de febre baixa e o aparecimento de um corrimento amarelo e purulento saindo da uretra. Por isso é também conhecida como uretrite gonocócica. Das mulheres, 70% não apresentam sintomas (perigoso porque podem se desenvolver complicações sem tratamento). Nas restantes é comum ocorrerem dores ou disúria ao urinar, acompanhada de Incontinência Urinária(urina solta) e corrimento vaginal. Uma complicação perigosa é consequência de disseminação para o tracto genital superior, com dores abdominais após algumas semanas da contaminação, a DIP – Doença Inflamatória Pélvica. Esta é devida a infecção do útero, tubas uterinas e cavidade abdominal. Pode resultar em infertilidade.

No homem pode haver prostatite, epididimite e raros casos de infertilidade. Na mulher a infecção gonocócica não costuma se manter na vagina devido as defesas naturais, por ser este um ambiente ácido. Já a uretra, o colo do útero e glândulas da vulva são habitualmente atingidas pelo gonococo em face da concepção orgânica de cada pessoa e dobras naturais que favorecem a proliferação das bactérias. Nas trompas ocorre a invasão progressiva acompanhada de reação inflamatória, podendo produzir abscessos ou obstruções severas. Na região da vulva pode afetar a Glândula de Bartholin, ocasionando as chamadas Bartholinites: essa inflamação deixa a vulva sensível e perigosamente exposta a novas infecções. Em alguns casos raros não tratados o gonococo pode se disseminar através da circulação, afetando principalmente a pele, articulações, cérebro, válvulas cardíacas, faringe e olhos.


Artrie devida à GonorreiaÉ comum estar associada a infecção por Chlamidia trachomatis.

Causada pela bactéria Neisseria gonorrhoeae, instala-se nos olhos originando a conjuntivite gonocócica, no recém nascido, denominada Oftalmia neonatorum. No adulto ela ocorre por auto inoculação. Para evitar esta complicação que deixa a criança cega, era utilizada nas maternidades um colírio de nitrato de prata (técnica de Crede). Hoje utiliza-se antes um antibiótico como a tetraciclina, eritromicina ou ceftriaxone, logo após o nascimento. No parto, também pode ocorrer gonorréia nos órgãos sexuais do recém nascido, no entanto, a maioria das crianças com gonorréia são infectadas através do abuso sexual.

Diagnóstico

Aspecto típico de um esfregaço uretral com Neisseria gonorrheaO diagnóstico é basicamente clínico, não havendo necessidade de exames laboratoriais específicos. Porém, se houver necessidade como, por exemplo, estudos epidemiológicos. O mais eficiente é o chamado coleta "in vitro" ou local - o que já não é utilizado ha muitos anos. Atualmente com uma cultura de secreção uretral é possível saber com segurança se está ou não infectado. O material é colhido através de um "swab" (uma longa haste com pedaço de algodão na ponta)e logo após é transposto em um campo de cultura e após 72 horas o especialista conta a quantidade de bactérias por mm² indicando assim o grau de contaminação do(a) paciente.

O gonococo tem aparência típica à microscopia e necessita de 10% de CO2 no meio para se multiplicar.


[editar] Tratamento
Além de medidas de higiene, e o uso de protecção (preservativo/camisinha) compreende o uso de antibióticos e quimioterápicos, sob rigorosa prescrição médica, pois pode haver um mascaramento da doença, com consequencias imprevisíveis para a pessoa.

Antigamente, antibiótico de escolha era a penicilina G, entretanto devido a resistência das cepas a esse ant  (+ info)

Uma pessoa contaminada com Gonorréia, Quantos dias depois ela pode contaminar outra pessoa?


tipo, uma pessoa transou sem camisinha, ai até a doença se manifestar, ela pode contaminar outra pessoa? quantos dias apos isso pode acontecer?
----------

O risco de transmissão é superior a 90%, isto é, ao se ter um relacionamento sexual com um(a) parceiro(a) doente, o risco de contaminar-se é de cerca de 90%. O fato de não haver sintomas (caso da maioria das mulheres/homens contaminadas), não afeta a transmissão da doença.

Ela pode ficar incubada de 2 à 10 dias, isto é, para que começem a surgir os
primeiros sintomas.

Mas já infectado, pode-se transmitir a doença, com ou sem sintoma.  (+ info)

1  2  3  4  5  

Deixa uma mensagem sobre 'Gonorréia'



Não avalia ou garante a precisão de qualquer conteúdo deste site. Clique aqui para ler o termo de responsabilidade.

Última atualização: Setembro 2014