http://lookfordiagnosis.com
English
Spanish
Italian
Portuguese
French
Swedish

FAQ - Deficiência de IgA
(Powered by Yahoo! Answers)

suzi - meu filho tem 03 anos, deficiência de IGA, baixa imunidade e adenóide o que fazer? ?


há 04 meses usando antibioticos, para amigdalite, otite, sinusite, pneumonia, esteve inclusive internado tenho medo de opera-lo pois a secreção nunca melhora, já esta diagnosticado inclusive atelectasia, não sei o que fazer e tenho urgencia em resolver, sem contar que existe uma deficiencia de imunidade baixa IGA.
----------

achei resposta para alguns problemas. com medicos especialista no saite do doutor drauzio varela.  (+ info)

o que é deficiência de IGA ?Que tipo de doença é essa ?


tenho um sobrinho com essa patologia , mas naõ compreendemos direito o que isso significa realmante para a saúde dele . Ele tem 6 anos hoje .
----------

A Deficiência de IgA é a mais comum das deficiências imunológicas. Muitos pacientes são assintomáticos, ou seja, não apresentam nenhuma manifestação clínica. Outros apresentam alergia de mais difícil controle ou infecções do aparelho respiratório, como sinusites e otites. Não há tratamento específico para Deficiência de IgA. Deve-se tratar alguma doença associada como asma, rinite, alergia alimentar ou outra qualquer e evitar a ingestão de alimentos crus fora de casa, para evitar parasitoses.

As causas da deficiência de IgA não são completamente conhecidas. Há alguns casos em que a deficiência é genética e outros casos que não. Foi encontrado em associação com anormalidades do cromossomo 18, mas a maioria dos indivíduos com deficiência de IgA não tem nenhuma anormalidade de cromossomo detectável. Deficiência de IgA pode também se causada por drogas ou infecção viral (rubéola, citomegalovirus, toxoplasmose) e pode também ser associado com infecções intrauterinas.  (+ info)

Portador de deficiência de IgA pode ter filho?


Qual o risco de uma gravidez ou do filho nascer com algum problema?
----------

A deficiência de IgA pode ser herdada como uma característica autossômica(que não é ligada ao sexo) dominante ou recessiva. Necessita saber qual é o seu gene (dominante ou recessivo). Para isso é facil, seu pai ou sua mãe possuem essa deficiencia? se um deles possuir, provavelmente é um gene dominante e vc poderá passar para criança. Porém, seu marido pode ter o gene recessivo e a criança pode nascer com a doença.
Recomenda-se o aconselhamento genético aos futuros pais que possuam qualquer antecedente familiar ou possuam deficiência seletiva de IgA.
Bem, a deficiencia de IgA não é tão grave para se evitar ter filhos. Fazendo o tratamento a pessoa tem uma vida normal.

Espero ter ajudado...  (+ info)

Qual cid pode ser considerado para portador de deficiência em concurso?


Tenho encurtamento da perna esquerda e má reconstituição do osso causada por uma osteomiliete (causa de uma fratura exposta). Queria saber se isso pode ser classificado como deficiência física?
Tenho encurtamento da perna esquerda e má reconstituição do osso causada por uma osteomiliete (causa de uma fratura exposta). Queria saber se isso pode ser classificado como deficiência física? O detalhamento do laudo é encurtamento da perna esquerda e osteomielite e o cid é Q72.8
----------

Você precisaria, na verdade, era de um laudo detalhado com o CID, do seu médico ortopedista para comprovar a sua deficiência. O CID para essa patologia é S82.8, mas somente o especialista poderá lhe dar no papel e carimbado por ele.
Daí quem decide mesmo se você pode concorrer como deficiente seria a comissão do concurso que você prestará, pois esse pedido poderá ser negado (não é garantido de ser aprovado pela comissão do concurso).

Abraços  (+ info)

Quem já fez cirurgia cardíaca pode prestar concurso concorrendo a vagas de pessoas portadoras de deficiência?


Hoje tenho 33 anos e fiz a cirurgia qdo tinha 14 anos. Tinha um problema de Má formação congênita da válvula aorta. Se eu prestar um concurso, por exemplo para policia, eu sei q na vaga normal eles me reprovariam no exame físico e de saúde, e por esse motivo será q posso concorrer a vagas de portador de necessidades? E em outros concursos também, será q posso prestar também, para portadores de deficiência? Por favor me ajudem, pois carrego essa dúvida comigo há muito tempo.
----------

boa tarde. não. é considerado portador de deficiencia a aquele que não pode realizar com plenitude alguma atividade. abçs.  (+ info)

Qual relação entre leucócitos baixo, deficiência de ferro, ácido fólico e mau humor irritação e depressão?


Qual a relação entre leucócitos baixos (3300)
menstruação
deficiência de ferro e ácido fólico
mau humor, irritação e depressão?
----------

Amiga, vamos com calma. Vejamos uma relação de cada vez:
1- Deficiência de ferro: Nenhuma relação. A deficiência de ferro está relacionada à queda da série vermelha do sangue.
2- Ácido fólico: Nenhuma relação. O ácido fólico também está relacionado à queda da série vermelha do sangue.
3- Mau humor e irritação: Há aí uma relação de causa e efeito. Os leucócitos baixos não provocam o mau humor e irritação, mas o mau humor e irritação pode provocar a queda dos leucócitos.
4- Depressão: A mesma relação de causa e efeito anterior, sendo que a depressão pode ser a causadora do mau humor e irritação que por sua vez poderá causar a queda dos leucócitos.
É claro que muitas outras coisas precisam ser investigadas, como viroses, doenças que provocam a queda da imunidade, etc. Boa sorte.  (+ info)

Gostaria de saber se a epilepsia é considerada uma deficiência?


Sou portadora de epilepsia e tenho curiosidade em saber se portadores da mesma podem ser considerados deficientes, e se a resposta for sim; por que?

Agradeço.
----------

Copiei alguns artigos na internet para você. É fundamental fazer uso contínuo de medicação a fim de controlar as crises e evitar a degeneração cerebral. Até onde sei, não são deficientes, mas não podem executar algumas tarefas, como dirigir, operar máquinas, em função das crises e das medicações de controle. É arriscado para si e para outros.

É possível viver muito bem com epilepsia, desde que tome as medicações regularmente. Meu filho tem e não tem crises há mais de 10 anos.
Epilepsia

O que é a epilepsia?
A epilepsia é uma doença física que causa alterações súbitas, breves e recorrentes na actividade eléctrica normal do cérebro, de modo que, durante um episódio de epilepsia, denominado crise epiléptica, as células do cérebro “disparam” de modo incontrolável a um ritmo que pode chegar a ser quatro vezes maior que o normal, levando, assim, a alterações do movimento, pensamentos, sensações e comportamento da pessoa.

As células que “disparam” este padrão anormal podem envolver todo o cérebro, originando uma crise generalizada primária ou, então, constituir apenas uma área circunscrita, isto é, um foco, atingindo apenas uma região limitada do cérebro, causando, neste caso, uma crise parcial.



Por que acontece a epilepsia?
Sabe-se que são diversas as condições que podem afectar o cérebro e desencadear epilepsia. Assim temos, por exemplo:

lesões cerebrais, quer ocorram antes ou depois do nascimento;

tumores cerebrais;

infecções (meningites e encefalites);

doenças genéticas;

anomalias estruturais dos vasos sanguíneos cerebrais;

intoxicação por chumbo.

No entanto, na maioria dos casos (cerca de 70%) a causa específica não é determinada.



Como se manifesta a epilepsia?
A doença pode apresentar-se de diferentes formas, consoante a extensão do cérebro que é atingida, e onde se localiza a área afectada:

1. Crise generalizada primária: envolve simultaneamente todo o cérebro

Crise tónico-clónica generalizada (“Grande Mal“)

Neste tipo de crise o paciente perde a consciência, cai e pára , temporariamente, de respirar, podendo, inclusivamente, perder o controlo dos esfíncteres anal e vesical. São os clássico "ataques" que já toda a gente viu uma vez ou outra, e que geralmente causa grande alarme entre os circunstantes. O nome desta forma advém do facto de numa primeira fase todos os músculos do corpo apresentarem uma contracção ininterrupta (fase tónica), logo seguida de uma série de contracções rítmicas curtas (fase clónica). O episódio dura, geralmente, mais de um minuto e é seguido de um período de relaxamento e sonolência e, por vezes, de uma dor de cabeça;

Pequeno Mal

Esta forma de epilepsia caracteriza-se por uma perda de consciência tão breve que o paciente nem chega a mudar de posição. Nestes poucos segundos o paciente pode apresentar um olhar fixo, um rápido pestanejar, movimentos de mastigação ou um movimento rítmico breve de uma extremidade;

2. Crise parcial (focal): envolve apenas um área do cérebro (foco)

Crise parcial simples

Neste caso o paciente mantém-se acordado e consciente, sendo que os sintomas são variáveis em função da área cerebral afectada. Assim, o paciente pode apresentar movimentos bruscos e súbitos (“sacudidelas”) de uma parte do corpo ou, experienciar odores estranhos ou uma distorção do ambiente que o rodeia, náuseas ou sintomas emocionais, como um medo ou ira inexplicáveis;

Crise parcial complexa

Neste caso o paciente não responde aos estímulos. Pode apresentar um olhar fixo, movimentos de mastigação ou actividade aleatória. Após a crise ele não recorda nada do episódio.

Coma epiléptico

Ocorre quando um paciente sofre uma série de crises generalizadas, umas após as outras, sem chegar a recuperar a consciência entre elas. É uma situação grave, que põe em risco a vida e que necessita de tratamento urgente.



Como se diagnostica a epilepsia?
O médico faz o diagnóstico desta situação baseado na história, no exame físico minucioso, no exame neurológico e no resultado de exames complementares, nomeadamente o electroencefalograma, a TAC (Tomografia Axial Computadorizada), ou a RM (Ressonância Magnética).

Uma vez que, geralmente, quando o médico vê o paciente este encontra-se bem e não tem memória do que lhe aconteceu, é fundamental que hajam relatos de testemunhas do ou dos episódios, que descrevam o que se passou.



Como se trata a epilepsia?
Na maioria dos casos o tratamento inicia-se por um dos muitos antiepilépticos disponíveis: carbamazepina, clonazepam, fenobarbital, fenitoína, ácido valpróico, valproato de sódio, gabapentina, etc; sendo que a escolha do composto a utilizar depende do tipo de epilepsia em causa.

Quando a medicação não consegue controlar as crises, considera-se o recurso à cirurgia, sendo que a decisão de optar por esta terapêutica depende de muitos factores: frequência e intensidade das crises, o risco de lesões cerebrais ou mesmo corporais decorrente das frequentes c  (+ info)

Pulseira indicativa de baixo IgA alguém conhece?


Alguns indivíduos com deficiência de IgA produzem anticorpos anti-IgA quando recebem transfusões de sangue que contém IgA, plasma ou imunoglobulinas, o que pode produzir uma reação alérgica grave na próxima vez que eles receberem uma dose de plasma ou de imunoglobulinas. O uso de uma pulseira de identificação pode alertar os médicos para que instituam precauções contra as reações.
Alguém já viu ou sabe onde adquirir essa pulseira?
----------

Sugestão: compre uma plaquinha e mande gravar o que vc quer, dai vc coloca em uma corrente ou pulseira como achar melhor.
Acho dificil encontrar pronta.  (+ info)

O que causa a deficiência muscular ao redor do reto e a deformação do mesmo?


Fazer sexo anal !

"O ministério da saúde adverte , sexo anal pode mudar o tamanho x largura do seu reto "

lalala  (+ info)

A pessoa que possui escoliose num grau elevado é considerado portador de deficiência?


Não sei, pois não sou médico. Mas disso sei: Jesus Cristo, o Médico dos Médicos, pode curar a pessoa da escoliose. Mas para o Filho de Deus poder operar na vida dela, ela deve tomar uma decisão para com Ele: aceitá-Lo como seu Único e Suficiente Salvador, arrepender-se dos seus pecados (pois todos nós, antes de aceitarmos Jesus, somos pecadores) e passar a seguir os caminhos do Senhor.
Depois de fazer o que citei acima, a pessoa deve orar com Fé, repreendendo a escoliose em Nome de Jesus, e assim tomar posse da cura que o Filho de Deus alcançou para todo aquele que O aceita. É só crer (foi assim que fiquei curado de um caroço que eu tinha atrás da orelha direita e de outras enfermidades).

Que Deus te abençoe, e que a Paz de Jesus esteja no seu coração.  (+ info)

1  2  3  4  5  

Deixa uma mensagem ou imagem sobre "Deficiência de IgA" (ou acessa o fórum):