FAQ - Carcinoma Ductal De Mama
(Powered by Yahoo! Answers)

Carcinoma ductal invasivo de mama com nodulo na axila tem cura?


Tem sim
Intraductal com esvaziamento axilar
e fazer contorle oncologco...tome os remedos direitinho
Esse é um tipo de cancer de mama com grande chance de cura  (+ info)

gostaria de saber que tipo de câncer é o carcinoma ductal infiltrante de mama?


Gostaria saber se é tratavel? o grau que apresentou no resultado do exame foi arranjo tubular 3, pleomorfismo nuclear 2.
----------

MInha mãe teve carcinoma ductal e era o tumor maligno, mas depende do grau de infiltração. ... Minha mãe fez tratamento e se curou. ...  (+ info)

Oi fiz uma macros-copia da mama e a conclusão do laboratório é carcinoma ductal infiltrante e obs estamos pr?


desculpa, mais não entendi sua pergunta.  (+ info)

depois da retirada de uma mama por um carcinoma ductal invasivo agora tenho varios nodulos de gordura devo?


devo retirar a outra por favor e urgente.
----------

Calma! Não bem por aí.
Converse com seu médico.
Mas acredito que, se ele não fez a cirurgia, é porque
não viu a necessidade de uma nova mastectomia.
Seria desnecessario retirar uma mama sadia.
E com certeza, vc deve estar fazendo exames para controle,
se ele não viu essa necessidade.
Converse melhor ele.
Ele tem por obrigação orientar seus pacientes.

Melhoras  (+ info)

o que significa: "carcinoma ductal infiltrante da mama moderadamente diferenciada"?


Solange,

Eu sou médico patologista e faço este tipo de diagnóstico diariamente. Para quem não entende, explicar isso aí fica bem complicado. Vou tentar palavra por palavra.

CARCINOMA - significa que é um tumor maligno e que ele deriva do tecido epitelial da mama. Se vc sabe o que é epitélio fica mais fácil.

DUCTAL - Significa que o tumor maligno deriva do epitélio dos DUCTOS da mama. O tumor poderia derivar do epitélio dos lóbulos da mama. Aí seria chamado de carcinoma lobular (mas não é o caso).

INFILTRANTE porque o tumor está infiltrando os tecidos normais da própria mama.

MODERADAMENTE DIFERENCIADO, quer dizer que a organização das células tumorais e a aparência delas lembra "moderadamente" os tecidos normais da mama. Quanto mais o tumor se pareça com o tecido normal é melhor. No caso se parece moderadamente (médio). O melhor seria "bem diferenciado", porém é melhor do que "pouco diferenciado".

Na verdade o que importa mais que isso tudo é o volume do tumor. Se tem menos do que 2cm é muito bom. Se tem metástases ou não.

Espero ter ajudado (e não confundido mais).  (+ info)

oi!!! gostaria de saber qual é a fisiopatologia do carcinoma ductal infiltrante da mama???


Camila F, como o colega já explicou a terminologia, só acrescento que esta é a forma mais agressiva dentre todos os carcinomas mamários , e altamente penetrante e metastático, especialmente por via hematogênica. Tem limites imprecisos e é de difícil ressecção. Normalmente requer tratamento agressivo, e seu prognóstico está ligado ao estadiamento e diagnóstico precoce. Não vou me prolongar porque o colega já detalhou bem, ok, Camila F?  (+ info)

Que tipo de cancer pode surgir após um carcinoma ductal infiltrate?


Minha mãe teve câncer a 8 anos e gostaria de saber qual tipo de câncer pode surgir?
----------

não precisa ter ligação qualquer lugar poderia aparecer. apesar de sua mae ja nao está mais em Recidiva, pois sao os primeiro 5 anos após a cura. minha madrinha mesmo o 1º era no utero e o outro foi na garganta  (+ info)

carcinoma invasor padrão ductal é necessário operar ou só com medicamentos resolve?


é um tipo de cancer
----------

Não, é necessário cirurgia para remoção do tumor com margens de segurança e complementação com quimioterapia. Os carcinomas ductuais mais comuns são os de mama. Dependendo do tipo tumoral e do grau de invasão dos tecidos adjacentes, é necessário remover toda a mama e realizar o chamado esvaziamento ganglionar, no qual os gânglios linfáticos que se relacionam com o tumor (os próximos da mama e os da axila) são removidos, para que não sobrem células tumorais nos mesmos.

Há mais detalhes sobre os tratamentos aqui:
http://doentescomcancro.org/uhdc/index2.php?option=com_content&do_pdf=1&id=87

Outras informações sobre o tratamento:
"Formas de tratamento O tratamento varia dependendo do estádio em que o cancro se encontra.Existem quatro tipos de terapêutica que se podem instituir, optando-se, por vezes, por associá-las:


cirurgia;
radioterapia;
quimioterapia;
terapêutica hormonal.
Na maioria dos casos, realiza-se primeiro uma cirurgia para extrair o(s) nódulo(s) da mama e os gânglios linfáticos axilares correspondentes, que serão posteriormente analisados ao microscópio, de modo a detectar a extensão do cancro. Desta forma, será avaliada a necessidade ou não de terapêutica adjuvante (complementar).

Dentro das cirurgias pode-se realizar uma cirurgia conservadora, em que apenas se extrai o tumor, com uma zona de segurança em seu redor, ou realizar uma cirurgia radical ou cirurgia radical modificada, em que, respectivamente, se retira toda a mama e os músculos peitorais (sob a mama) e da parede torácica e os gânglios linfáticos, ou se retira apenas a mama e os gânglios linfáticos.

No que se refere às terapêuticas adjuvantes, existem a radioterapia (externa ou interna), a quimioterapia (que é aplicada por via endovenosa) e a terapia hormonal, que se aplica se as células cancerígenas apresentarem receptores para os estrogénios e para a progesterona. Esta terapêutica faz-se com Tamoxifeno durante 5 anos, tendo-se, no entanto, o cuidado de vigiar as mulheres que ainda têm útero, pois este medicamento aumenta a probabilidade de desenvolver cancro do útero.Formas de prevenção As formas de prevenção consistem em:


realizar mensalmente o auto-exame da mama;
realizar os exames de rastreio (de acordo com a orientação do seu médico assistente)."
Está aqui: http://www.millenniumbcp.pt/site/conteudos/75/doencas/article.jhtml?articleID=150672

Mas o ideal é que suas dúvidas sejam sanadas com o médico que acompanha o caso.

Boa sorte, []s  (+ info)

tenho carcinoma ductal invasivo grau 3 estologico e grau 2 nuclear quais minhas chances de cura?


Trabalhei anos na área e posso dizer uma coisa que aprendi!

Não há regras para estas doenças, pessoas com casos sérios que vivem por mais de 20 anos com a doença ou mesmo curaram.

Portanto não pense nisto agora, tente usar isto como uma chance para se melhorar a cada dia e dar o melhor de si no plano pessoal.

Boa sorte e não esqueça de orar sempre!  (+ info)

Estou com carcinoma ductal infiltrante, queria saber mais sobre esse câncer, tratamento e cura.?


câncer localizado na mama, descoberto a poucos dias
----------

''Carcinoma ductal invasivo (infiltrante) (IDC): este é o Câncer de Mama mais comum. Começa num ducto ou conduto lácteo, atravessa sua parede e invade o tecido do seio. Desse local pode propagar-se a outras partes do corpo. É responsável por aproximadamente 80% de todos os casos de Câncer de Mama invasivo.''
------------------------------------------------------------
'' Carcinoma Tubular - Representa um dos tipos especiais de carcinoma ductal, muito bem diferenciado, constituindo 2% dos carcinomas da mama. Possui bom prognóstico e, para isso, a lesão deve ser constituída por, no mínimo, 75% de elementos característicos; caso contrário, é considerado carcinoma tubular misto. Incidem em mulheres relativamente jovens, entre 44 e 49 anos.

Geralmente, apresenta-se como tumor pequeno com média de 0,8 cm (em alguns estudos), dificilmente ultrapassando 4 cm. O tumor tem consistência firme-endurecida, com coloração branco-acinzentada e aspecto estrelado ao corte. Histologicamente, a lesão é composta por proliferação de túbulos glandulares, de forma irregular, revestidos por uma única fila de células bem diferenciadas, homogêneas, freqüentemente apresentado secreção apócrina. O estroma adjacente aos túbulos é abundante, fibrótico e com elastose.

Aproximadamente 90% de todos os câncer de mama ocorrem nos ductos ou nos lóbulos, 80% de todos os casos iniciam nas células de revestimento dos ductos mamários. Este tipo de câncer é chamado de CARCINOMA DUCTAL/. Carcinoma ductal in situ

O carcinoma ductal in situ (CDIS), ou intraductal, caracteriza-se por uma proliferação de células malignas dentro de um ducto, não ultrapassando os limites da membrana basal , não invadindo o estroma, associada a uma hipercromasia e pleomorfismo nuclear, com alteração da orientação celular do revestimento epitelial. Essas células podem proliferar e obstruir completamente a luz dos ductos, causando sua dilatação e sua solidificação. À medida que a lesão progride, estendendo-se através da membrana basal e invadindo o estroma, transforma-se em um carcinoma invasor.

Na década de 80, nos Estados Unidos, o CDIS representava 2% dos cânceres de mama,atualmente com o uso do rastreamento mamográfico, a incidência dessa patologia aumentou mais de 200% nas mulheres acima de 50 anos, nos últimos 10 anos.

Clinicamente, pode apresentar-se como uma massa palpável, como derrame papilar ou, mais comumente na atualidade, como alteração mamográfica (microcalcificações e formação nodular não-palpável).

O CDIS pode ser dividido, histologicamente, em subtipos:

• Tipo comedocarcinoma  apresenta detritos necróticos celulares, preenchendo os espaços ductais, lembrando comedões, como sugere o seu nome. Histologicamente, observa-se uma área central ocupada pelo material necrótico envolvido por células neoplásicas com núcleos pleomórficos e atípicos, com citoplasma amplo .

• Tipo micropapilar  caracteriza-se por projeções papilares homogêneas, sem um eixo conjuntivovascular, na superfície interna dos espaços ducto-lobulares.

• Tipo cribriforme  (do latim cribrare, que significa "peneira") um carcinoma in situ que apresenta espaços glandulares nítidos e marcados. Possui mitoses infreqüentes e, eventualmente, ocorre algum grau de necrose limitado a poucas células.

• Tipo sólido  apresenta o lúmen ocupado por uma proliferação de células de tamanho médio, menores que as do tipo comedocarcinoma e maiores do que as encontradas no carcinoma lobular in situ.

Em termos de prognóstico, quanto maior o tamanho e o grau de necrose da lesão, maior o seu potencial para tornar-se invasora. As lesões do tipo comedocarcinoma apresentam prognóstico menos favorável comparado aos outros tipos histológicos. Aproximadamente 25% a 30% das lesões in situ, não-tratadas, desenvolvem carcinoma invasor nos próximos 10 anos.

Calcificações são encontradas em 50% dos casos, geralmente no componente intraductal, que pode ser visto em 60 a 80% dos tumores. A freqüência de acometimento de linfonodos axilares é 9% e, quando ocorre, geralmente não mais do que três linfonodos do nível I são positivos. O prognóstico é extremamente favorável. ''

Espero ter ajudado, te desejo boa sorte no teu tratamento e pronta recuperacao!  (+ info)

1  2  3  4  5  

Deixa uma mensagem sobre 'Carcinoma Ductal De Mama'



Não avalia ou garante a precisão de qualquer conteúdo deste site. Clique aqui para ler o termo de responsabilidade.

Última atualização: Setembro 2014