http://lookfordiagnosis.com
English
Spanish
Italian
Portuguese
French
Swedish

FAQ - Atelectasia
(Powered by Yahoo! Answers)

Conhecem algum artigo sobre a reversão da atelectasia em recém nascido?


Preciso ler um artigo sobre a reversão da atelectasia em recém nascidos, alguém conhece um artigo sobre este assunto?
----------

hiperinsuflação, atelectasia, nodularidade, redução da perfusão .recém-nascido apresenta desconforto respiratório, deve ser monitorizado smp.org.br/duvidas/perguntas.php?cd=13&especialidade=pneumologia+...  (+ info)

Artigo sobre reversão da atelectasia em recém nascido?


a intervensão fisioterapêutica e a reversão da atelectasia no recém nascido
----------

Olha , de forma ampla, atelectasia significa colapso das unidades pulmonares periféricas que leva a uma diminuição do volume pulmonar.
Esta definição mostra bem aquilo que o Fisioterapeuta deve fazer... procurar a expansão pulmonar. Ela pode surgir por vários fatores tais como:
- Obstrução intraluminar, bronquial ou bronquiola (mais comum)
- Entrada de ar ou líquido para a cavidade pleural
- Alteração da quantidade ou qualidade do surfactante
- Redução da elasticidade do parenquima pulmonar

se esta informação é insuficiente,faça uma pesquisa no Gloogle que vc achará mais informação.
Boa sorte!  (+ info)

principais causas de atelectasia


preciso de fazer um trabalho sobre atelectasia!
seu tratamento;
seu diagnostico;
suas principais causas;

vlw.obrigado por responderem
----------

Oi mari...

Atelectasia Pulmonar

É o colapso de parte ou de todo pulmão "murcha" numa parte ou na sua totalidade por um bloqueio na passagem do ar pelos brônquios de maior ou menor calibre ( bronquio ou bronquíolo, respectivamente ).
Os bronquios são tubos que dão passagem ao ar, espalhando-o portodo pulmão.
A atelectasia pode surgir por mecanismos diferentes:

-Acúmulo de secreção nos brônquios pode bloquear a passagem do ar, levando ao colapso parcial ou total do pulmão afetado.

- Quando algum objeto, inadvertidamente, entra na via aérea e chega aos brônquios, a atelectasia pode ocorrer. Isso costuma acontecer mais com crianças, quando engolem algum brinquedo ou outro objeto pequeno.

- Os tumores pulmonares podem crescer dentro de um brônquio, ou pressioná-lo externamente, causando em alguns casos, a atelectasia parcial ou total do pulmão.

- Pacientes que sofrem uma anestesia geral, que tem alguma doença pulmonar crônica, ou que ficam muito tempo acamados, podem, eventualmente, apresentar uma atelectasia.

Num adulto, a atelectasia geralmente não é uma situação ameaçadora à vida, já que as partes do pulmão que não foram compromentidas fazem uma compensação da perda de função da área afetada. Por outro lado a mesma situação num bebê ou em uma criança pequena podem representar uma ameaça a vida.

Os sintomas associados a essa situação podem estar presentes ou não. Dependerá principalmente, do tamanho da área afetada do pulmão e da presença ou não de doenças concorrentes. A atelectasia pulmonar poderá estar acompanhadade dor toráxica, tosse ou dificuldade para respirar.

Diagnostico:

Através de exames de imagem, como a radiografia ou tomografia computadorizada do tórax, o médico poderá fazer o diagnóstico. A atelectasia ao exame físico do paciente, podera ser suspeitada na minoria dos casos. Isso porque terá de haver um colapso pulmonar de uma área extensa do pulmão para que surjam alterações no exame físico.
A broncoscopia - exame que observa a parte interna dos pulmões através de um aparelho flexível dotado de fibras ópticas e lentes - é capaz de detectar o bloqueio da passagem de ar ( do brônquio ) e sua causa.

O tratamento deverá ser escolhido de acordo com a causa da atelectasia, com o objetivo de expandir novamente ( "inflar" ) o pulmão.
Nos casos de acúmulo de secreções, a fisioterapia pulmonar para a mobilização das secreções e a broncoscopia para a aspiração dessas sserá o tratamento mais indicado.
A fisioterapia poderá utilizar-se de exercícios respiratórios, tapotagem ( pequenos golpes com os punhos nos pulmões ), drenagem postural ( ccolocando o indivíduo numa posição que favoreça a saída das secreções ) e vibradores.
Quando houver alguma infecção bacteriana ( bactéria ) associada ao excesso de secreções os antibióticos deverão ser indicados. Além desses, os mucolíticos ( medicamentos que facilitam a expectoração das secreções ) poderão ser utilizados nas infecções respiratórias, sejam elas virais ou bacterianas,
Nos casos de corpo estranho na via aéra ( objetos ), a broncoscopia ddevera ser realizada para fazer a remoção. Se não for exitosa, a ccirurgia deverá ser realizada.
Quando a causa da atelectasia for um tumor, o tratamento dele deverá solucionar a atelectasia.

Espero te-la ajudado.

Um abraço.  (+ info)

Como tratar e curar Atelectasia ?? Doença pulmonar!?


Meu amigo tem um filho de 5 aninhos que sofre a muito de asma e varias vezes baixou hospital. Ele ontem baixou novamente e logo dps foi para UTI, onde está agora. Diagnosticaram Atelectasia.. Ja vi que o certo é tratar a origem, a doença em si, mas em se tratando da asma, ele é muito sensivel.. o que fazer?
Obs: parece que um lado do pulmão foi afetado (Atelectasia)
----------

Olá!
Sinônimos:

Colapso pulmonar.

O que é?

É o colapso de parte ou de todo pulmão. Ou seja, o pulmão "murcha" numa parte ou na sua totalidade por um bloqueio na passagem do ar pelos brônquios de maior ou menor calibre (brônquio ou bronquíolo, respectivamente). Os brônquios são tubos que dão passagem ao ar, espalhando-o por todo o pulmão.

Como se desenvolve?

A atelectasia pode surgir por mecanismos diferentes.

O acúmulo de secreções nos brônquios pode bloquear a passagem do ar, levando ao colapso parcial ou total do pulmão afetado.


Quando algum objeto, inadvertidamente, entra na via aérea e chega ao brônquio, a atelectasia poderá ocorrer. Isto costuma acontecer mais com as crianças, quando engolem algum brinquedo ou outro objeto pequeno.


Os tumores pulmonares podem crescer dentro de um brônquio ou pressioná-lo externamente, causando, em alguns casos, a atelectasia parcial ou total do pulmão.


Pacientes que sofrem uma anestesia geral, que tem alguma doença pulmonar crônica ou que ficam muito tempo acamados podem, eventualmente, apresentar uma atelectasia.


Num adulto, a atelectasia geralmente não é uma situação ameaçadora à vida, já que as partes do pulmão que não foram comprometidas fazem uma compensação da perda de função da área afetada. Por outro lado, a mesma situação num bebê ou numa criança pequena pode representar uma ameaça à vida.

O que se sente?

Os sintomas associados a essa situação podem estar presentes ou não. Dependerá, principalmente, do tamanho da área afetada do pulmão e da presença ou não de doenças concorrentes. A atelectasia pulmonar poderá estar acompanhada de dor torácica, tosse ou dificuldade para respirar.

Como o médico faz o diagnóstico?

Através de exames de imagem, como a radiografia ou tomografia computadorizada do tórax, o médico poderá fazer o diagnóstico. A atelectasia, ao exame físico do paciente, poderá ser suspeitada na minoria dos casos. Isto porque terá de haver um colapso pulmonar de uma área extensa do pulmão para que surjam alterações no exame físico. A broncoscopia - exame que observa a parte interna dos pulmões através de um aparelho flexível dotado de fibras ópticas e lentes - é capaz de detectar o bloqueio da passagem de ar (do brônquio) e sua causa.

Como se trata?

O tratamento deverá ser escolhido de acordo com a causa da atelectasia, com o objetivo de expandir novamente ("inflar") o pulmão. Nos casos de acúmulo de secreções, a fisioterapia pulmonar para a mobilização das secreções e a broncoscopia para a aspiração dessas será o tratamento mais indicado. A fisioterapia poderá utilizar-se de exercícios respiratórios, tapotagem (pequenos golpes com os punhos nos pulmões), drenagem postural (colocando o indivíduo numa posição que favoreça a saída das secreções) e vibradores. Quando houver alguma infecção bacteriana (por bactérias) associada ao excesso de secreções, os antibióticos deverão ser indicados. Além desses, os mucolíticos (medicamentos que facilitam a expectoração das secreções) poderão ser utilizados nas infecções respiratórias, sejam elas virais ou bacterianas.Nos casos de corpo estranho na via aérea (objetos), a broncoscopia deverá ser realizada para fazer a remoção. Se não for exitosa, a cirurgia deverá ser realizada. Quando a causa da atelectasia for um tumor, o tratamento dele deverá solucionar a atelectasia.

Como se previne?

Manter os pequenos objetos longe do alcance das crianças é uma maneira de prevenir as atelectasias causadas por corpo estranho. Da mesma forma, os pais deverão ter cautela na escolha dos brinquedos que devem ser adequados à idade da criança. Evitar longos períodos deitado na cama também é importante para prevenção das atelectasias, principalmente após cirurgias. Neste mesmo sentido, a fisioterapia também poderá ser necessária.

Complicações

A pneumonia é uma complicação que pode se desenvolver poucos dias após o surgimento de uma atelectasia. Portanto, é importante a resolução do problema  (+ info)

Atelectasia subsegmentar e o câncer. Existe relação?


Pessoal, estou numa ansiedade muito grande não quero esperar só a consulta médica, que acontecerá somente na próxima semana. vamos lá ...
Um parente de primeiro grau foi diagnosticado com câncer de próstata e o médico pediu a cintilografia óssea e tomografia da pelve. A tomografia deu ok, o câncer esta localizado só na próstata, mas a cintilografia apresentou alguma anormalidade na região da costela, por isso foi solicitado uma Ressonânica Magnética do Tórax. Acabo de receber o exame, e não entendi algumas partes dele, como:
1- Discretas atelectasias subsegmentares periféricas nos lobos inferiores e lobo médio.
2- Diminutos e raros nódulos esparsos pelos pulmões, inespecíficos, achado frequente e geralmente sem importância clínica.
3- Discreto espessamento de paredes brônquicas de maneira difusa.
4- Placas ateromatosas ao longo das paredes da aorta torácica. Discreta dilatação da aorta ascendente com calibre máximo de 4,0 cm.
Por favor, queria saber cada um dos itens, se devo me preocupar com alguns deles, e se existe alguma relação com câncer.
Detalhe: o meu parente não sente nada de estranho.
obrigado.
----------

o exame nao tem nenhuma relação ao cancer nao ha nada dizendo nele que possa ser massa, tumor ou cancer no local.  (+ info)

O que causa atelectasia pulmonar?


Colapso do pulmão, ou de uma parte dele, provocada pelo bloqueio de vias respiratórias superiores ou inferiores (brônquios ou bronquíolos) ou pela respiração muito superficial.
Geralmente, as causas da atelectasia são: secreções que bloqueiam as vias respiratórias, objetos estranhos nas vias respiratórias (comum em crianças) e pressão exercida por um tumor. Os fatores de risco são: anestesia, repouso prolongado acompanhado de respiração superficial e doenças pulmonares subjacentes.

Normalmente, a atelectasia não é fatal em adultos, já que as regiões não afetadas compensam a perda da função da área afetada. Em bebês e crianças, o colapso pulmonar resultante da obstrução por muco, ou de quaisquer outras causas, pode ser fatal. A atelectasia de uma área muito grande pode provocar colapso pulmonar.

ok  (+ info)

Qual é a epidemiologia da atelectasia?


Desculpe mas esta pergunta está mal colocada. Você quer saber o que? A freqüência com que esse distúrbio ocorre? As suas causas principais? Não faz muito sentido falar da epidemiologia de uma condição clínica que tem numerosas causas. Sugiro reformular a pergunta.  (+ info)

o que pode causar congestão pulmonar e atelectasia?


O edema (efisema) pulmonar é uma situação médica resultante de alguma doença aguda ou crônica ou de outras situações especiais. Problemas do coração, como cardiomiopatia ( doença do músculo do coração ), infarto agudo do miocárdio ou problemas nas válvulas do coração, que determinam uma fraqueza no bombeamento do sangue pelo coração, estão entre as principais causas do edema pulmonar. Quando o coração não funciona bem, o sangue acumula-se nos pulmões, o que leva à falta de ar. Já a infecção pulmonar (pneumonia) ou a infecção generalizada do corpo também leva ao edema pulmonar, mas por um mecanismo diferente. Outra alteração que leva ao edema pulmonar é a diminuição de proteínas circulantes no sangue, seja por problema nos rins ou no fígado. Quando o nível de proteína no sangue diminui, há uma tendência de acúmulo de líquidos nos pulmões. As reações alérgicas por uso de medicações, o uso de narcóticos para dor (morfina, por exemplo) ou como droga de abuso, e a radioterapia para tumores do tórax, podem também ocasionar o edema pulmonar. Quando uma pessoa muda rapidamente de um local de baixa altitude para um de alta, o edema pulmonar também pode ocorrer.
A atelectasia pode surgir por mecanismos diferentes: O acúmulo de secreções nos brônquios pode bloquear a passagem do ar, levando ao colapso parcial ou total do pulmão afetado; Pacientes que sofrem uma anestesia geral, que tem alguma doença pulmonar crônica ou que ficam muito tempo acamados podem, eventualmente, apresentar uma atelectasia. Existe outros fatores, porém em adultos não é um risco de morte, pois as partes do pulmão que não foram comprometidas fazem uma compensação da perda de função da área afetada.  (+ info)

Qual o diagnostico médico para um paciente que apresenta...?


1° Aorta torácica ectasiada e arteromatosa.

2° Pequena opacidade justa costal adjacente ao seio costofrenico direito sugestivo de atelectasia.

3° Banda intraparenquimatosana base pulmonar esquerda.
----------

nossa.....q lingua e essa???

devs ser algo grave no coração  (+ info)

A minha esposa fez uma tomografia computatorizadado tórax com corte de alta resolução?


demonstrou: Pulmão esquerdo reduzido de volume, observando-se lesão expansiva com contorno lobuladoe impreganação heterogêneado contraste, medindo 69 x 49 mm, localizada no lobo inferior deste pulmão,em intimo contato com a superfície pleural mediastinal.
Espessamento pleural nodular difuso, captante de contraste no hemitórax, notando-se faixa de atelectasia esparsas neste pulmão.
Oequeno derra pleura`l à esquerda. Parênquima pulmonar à direita com valores de atenuação dentro dos limites da normalidade. Ausência de bronquiectasia.
----------

??????????????  (+ info)

1  2  

Deixa uma mensagem ou imagem sobre "Atelectasia" (ou acessa o fórum):