FAQ - Anemia Hemolítica Congênita
(Powered by Yahoo! Answers)

Uma anemia normo normo hemolítica pode ter um elevado número de plaquetas?Hemólise extra ou intravascular?


Oi!Boa noite!
Anemia hemolítica é uma anemia devido à hemólise, a quebra anormal de hemácias, portanto o elevado número de plaquetas não fará a mínima diferença tendo em vista que ela faz um papel diferente das hemácias.
Pode ocorrer a extra e a intravascular sendo a mais comum a intravascular.

Beijos!  (+ info)

Anemia Hemolítica pode ser adquirida ou congenita correto ?


E se for adquirida, através do que ?
E se for congênita, é através do sangue dos pais ?
existe cura para este problema ?
Pois eu tenho um sobrinho que ele faz tranfusão de sangue desde que nasceu, isso já ocorre á 2 anos.
E a médica do mesmo informou que não sabe exatamente se ele tem a falta dessa enzima G6PD, e como a mesma o trata desse problema, informou tbém que não tem cura. Podem me ajudar com mais informações ?
Grata...... Dalila.
----------

Muito bem dalila.
Olhe só, a Anemia hemolítica é uma anemia devido à hemólise, a quebra anormal de hemácias nos vasos sanguíneos (hemólise intravascular) ou em outro lugar do corpo (extravascular). Ela possui diversas causas, podendo ser inofensiva ou até mesmo ameaçar a vida. A classificação geral da anemia hemolítica é a de sua origem se é adquirida ou idiopática. O tratamento depende da causa e natureza da quebras das hemácias.

A Anemia Hemolítica pode ser congênita ou adquirida. Congênita: - Anormalidades da membrana. - Hemoglobinopatias. - Deficiência enzimática. Adquirida: - Induzida por anticorpos (auto-imune) - Reação transfusional. - Fragmentação mecânica.  (+ info)

Para quem entende de Anemia Hemolítica: é verdade que; Má-Alimentação pode causar a Doença? Obrigado.?


Pergunto isto porque, há alguns Anos, uma tia da minha prima mais Nova faleceu disto, e por acaso (ou talvez, nem tão por acaso), ela não andava se alimentando Bem mesmo, a própria família havia Notado isto antes.

Que vocês podem afirmar sobre isto?

Aguardo Respostas!
Quem demonstrar que respondeu só pelos 2 Pontos, e principalmente não responder de acordo com a Pergunta, será Negativado(a) e Denunciado(a)! Pelas Regras da Comunidade - http://br.answers.yahoo.com/info/community_guidelines ; qualquer Resposta Dada; com o Objetivo de acumular Pontos poderá ser Removida, e não tem como a Pessoa responder de novo...
----------

A anemia hemolítica ocorre quando a medula óssea for incapaz de compensar, por aumento da produção, a destruição prematura dos glóbulos vermelhos. Se a medula óssea for capaz de compensar a destruição dos glóbulos vermelhos, não se desenvolve anemia.

Há vários tipos de anemia hemolítica, as quais podem ser classificadas de acordo com a localização do defeito. O defeito pode estar no próprio glóbulo vermelho (fator intrínseco) ou fora deste (fator extrínseco).

As causas de anemia hemolítica incluem infecções, certos medicamentos, distúrbios auto-imunes e distúrbios hereditários. Os tipos de anemia hemolítica incluem:

anemia aplástica
anemia aplástica secundária
doença da hemoglobina S-C
anemia hemolítica por deficiência de G6PD
eliptocitose hereditária
esferocitose hereditária
ovalocitose hereditária
anemia hemolítica auto-imune idiopática
anemia hemolítica não imunológica causada por agentes químicos ou físicos
anemia hemolítica imune secundária
doença da hemoglobina S-B-talassemia
A incidência geral das anemias hemolíticas é de 4 em 100 mil pessoas.

As causas de anemia são variadas. Podemos citar:

Causas Genéticas:
Defeitos na hemoglobina:
doença falciforme
hemoglobinopatia SC
hemoglobinopatia C
hemoglobinopatia E
hemoglobinopatia D
Síndromes Talassêmicas
Defeitos na membrana do eritrócito
eliptocitose
esferocitose
Defeitos enzimáticos
deficiência em glucose-6-fosfato desidrogenase
Causas Nutricionais:
Deficiência de ferro (Anemia Ferropriva)
Deficiência de vitamina B12 (Anemia perniciosa)
Deficiência de folato (Anemia megaloblástica)
Causas Hemorrágicas:
Agudas: Hemorragias excessivas por acidentes, cirurgias, parto
Crônicas: Sangramentos crônicos que podem ocorrer por múltiplas causas, dentre elas ciclo menstrual excessivo, sangramento por hemorróidas, neoplasias intestinais ou outras, úlceras
Causas Imunológicas:
Anemia Hemolítica Auto-Imune
Pelo uso de medicamentos e exposição a produtos químicos:
Anemia aplásica
Anemia megaloblástica
Doenças Crônicas:
Hipotireoidismo
Doenças Renais (provocando problemas na síntese de eritropoietina)
Neoplasias
Infecções:
Virais: hepatites, Aids
Bacterianas: septicemia
Protozoárias: Malária, Toxoplasmose, Leishmaniose
O melhor remédio para a prevenção da anemia é, sem dúvida, uma alimentação bem variada, e especialmente para os alimentos ricos naturalmente em ferro e os enriquecidos ou fortificados com algum tipo de mineral.

Deve lembrar-se que as melhores fontes naturais de ferro são os alimentos de origem animal (fígado e carnes) por possuírem um tipo de ferro melhor aproveitado pelo nosso organismo. Ao contrário do que muitas pessoas pensam e falam a respeito do ferro em alimentos, leite e ovos não são boas fontes. No entanto, atualmente já existe no mercado leite enriquecido com ferro.  (+ info)

qual é a etiopatogenia da anemia hemolítica?


as causas da doença e os sintomas
----------

Anemia Hemolítica: Ocorre destruição das hemácias (hemólise). Existem 2 tipos:
Anemia Falciforme (defeito congênito em que as hemácias apresentam forma de foice);
Talassemia (disfunção hereditária associada a um defeito na síntese da cadeia de hemoglobina)

Sinais e Sintomas:
Variam conforme a gravidade e quadro geral do paciente:
-Palidez da pele e mucosas
-Astenia
-Tonturas
-Vertigens
-Cefaléia
-Fadiga/Cansaço
-Inapetência
-Sonolência
-Unhas côncavas
-Dispnéia
-Hipotermia
-Irritabilidade
-Oligomenorréia
-Perda de elasticidade normal da pele
-Adelgaçamento dos cabelos  (+ info)

O que é Anemia Hemolítica Auto-Imune?


Quais os sintomas, causas e conseqüências dessa doença?
----------

Anemia... diminuição de células vermelhas, hemácias
Hemólise... A hemácia explodiu, estourou, hemolisou
Auto-Imune... o sistema imunológico ataca o próprio organismo, nesse caso, destrói hemácias.

O que causa... auto imunidade, não se sabe porque em algum momento isso ocorre. Pode ser por exposição ao frio, ao calor, reacional depois de uma virose, reação a medicamento, até câncer pode ser... muitas causas.

Conseqüência... anemia... sintoma... fraqueza, sonolência, cansaço, logo, se necessita parar esse processo com urgencia, ou a pessoa morre. E isso se faz com medicações que inibem o sistema imunológico.  (+ info)

É possível descobrir de quem o filho adquiriu a anemia congênita? É possível saber antes do nascimento?


Tive um filho q nasceu de 31 semanas e era portador dessa doença, tivemos muitos casos de canser na familia, tanto na minha quanto na do meu marido, temos saude perfeita e eu tive gestação perfeita sem problemas nos meus exames, três anos antes fiz tratamento com medicamentos (fluxetina e sibutramina) por seis meses, tive duas outras gestações onde meus filhos tem saude perfeita, meu filho veio falecer com falência múltiplas dos orgãos.
----------

Existem exames que podem ser feitos no FETO para saber ser tem.

Mas saber de quem herdou é impossível, Mesmo fazendo exames de DNA

@  (+ info)

ANEMIA HEMOLÍTICA AUTO IMUNE tem CURA?


Minha prima sofre há cerca de 2 anos com essa doença, ficou internada entre a vida e a morte e há cerca de 6 meses está melhor, mas tomou muito Corticóide (PREDNISONA), engordou muito e agora que estava melhorando e retomando a auto-estima (ela tem 20 aninhos), a taxa de hemócritos baixou e ela voltou para o Prednisona e está engordando de novo, está fraca e com medo de voltar a ser internada. Será que essa doença tem cura, eu li sobre a retirada do Baço, não sei, alguém pode me ajudar? Obrigada
----------

A anemia hemolítica auto-imune ou anemia mediada imunologicamente é um tipo de anemia hemolítica e divide-se em em dois tipos principais, a anemia hemolítica de anticorpos reativos ao frio e a anemia hemolítica de anticorpos reativos ao calor, sendo esta a mais comum.

Após uma disfunção o corpo pode agir de forma errônea, podendo destruir as suas próprias célula, quando essa reação auto-imune tem como alvo os eritrócitos, surge a anemia hemolítica auto-imune.

A princípio, não tem cura, são tratados os sintomas.  (+ info)

anemia hemolítica tem cura?


Depende d oagente etiológico, isso é, do agente causador. Se for um microrganismo, sim! Mas se for uma doença autoimune, o paciente terá que passar por tratamento com corticóide ou medicamentos que deprimem o sistema imunologico, pois ele diminui a imunidade.  (+ info)

e verdadeiro que a anemia hemolitica so atinge a raça negra e o sexo masculino?


e vem de uma descedente do sexo feminino?
gostaria de um resumo detalhe para conhecer melhor esta infernidade.
----------

Amiga, existem vários tipos de anemias hemolíticas e nenhuma delas atinge apenas a raça negra e o sexo masculino. A anemia falciforme é mais frequente em pessoas da raça negra, mas também é diagnosticada em pessoas brancas, até porque nós vivemos em um país totalmente miscigenado. Por outro lado a hemofilia (que é um distúrbio da coagulação do sangue) só atinge pessoas do sexo masculino e sempre é transmitida pelo gene da mãe, que é a portadora. Só para dar mais um esclarecimento, não é "infernidade". Creio que você quis dizer "enfermidade". Boa sorte.  (+ info)

O que é anemia hemolítica?


"Anemia hemolítica congênita (icterícia hemolítica): doença caracterizada por um baço aumentado, anemia e icterícia discreta. Acredita-se que resulte de um defeito na estrutura dos glóbulos vermelhos do sangue que os torna particularmente frágeis. A anemia hemolítica é familial e aparece durante a infância."

"A anemia hemolítica é uma doença hereditária que faz com que os glóbulos vermelhos do sangue se desintegrem no interior dos veios sangüíneos. Os doentes urinam sangue porque os rins filtram e expelem a hemoglobina não aproveitada. Se o volume de destruição for mínimo, o resultado será a letargia; se for aguda, a doença poderá acarretar a morte do paciente.

A anemia hemolítica pode ter diversas origens. Mas na Sardenha, as experiências indicam que praticamente todas as pessoas acometidas por este mal têm deficiência de uma única enzima, chamada deidrogenase fosfo-glucosada-6 (ou G-6-PD), que forma um elo de suma importância na corrente de produção de energia para as células vermelhas do sangue.

Porém, os sardenhos ficam doentes apenas durante a primavera, o que indica que a falta de G-6-PD da vítima não aciona por si só a doença - que há algo no meio ambiente que tira proveito da deficiência. A deficiência genética pode ser a arma, mas um fator ambiental é quem a dispara."  (+ info)

1  2  3  4  5  

Deixa uma mensagem sobre 'Anemia Hemolítica Congênita'



Não avalia ou garante a precisão de qualquer conteúdo deste site. Clique aqui para ler o termo de responsabilidade.

Última atualização: Setembro 2014